Psicografia na Casa - Em Tempo


Desapego é manancial
De luzes para o futuro,
Apegar-se faz tão mal
Como andar em pleno escuro.

Ambição desenfreada
Faz amarga sementeira,
Lança sombras pela estrada,
Compromete a vida inteira…

Guarda sempre na lembrança
As sentenças de Jesus.
É o segredo da esperança,
É a certeza de ter luz.

Desapego é rumo certo
Sem atalho enganador,
Apegar-se é ficar perto
Dos abismos e da dor…

Que Jesus vos dê clareza
De ver e de praticar
O Evangelho com presteza
No calor do próprio lar.

Vaidade é orgulho vão
Que estraçalha a humanidade
E enclausura o coração
Bem distante da verdade.

Servir é o maior presente
Que se pode ter em vida,
É acender a flama ardente
Da verdade esclarecida.

Ser modesto com lisura
Enobrece a caminhada,
Edifica a paz futura
E ser bom não custa nada.

Título: Em Tempo

Médium: Lucimar Mantovani Laidens pelo Espírito Abílio

Psicografia recebida no Centro Espírita de Caridade Dias da Cruz no dia 26/09/2019




Psicografia na Casa - Não Temas


Não temas o frio e a sombra

Que se adensam no caminho,

Se Jesus vela por todos

Não há quem ande sozinho…

A dor, a doença, a morte

Do corpo é  período breve…

Tudo passa neste mundo,

Cada um paga o deve.

A vida se explica assim:

Tudo é sempre evolução

O progresso e a verdade

São a luz do coração.

Não temas a luta insana

E por vezes sem descanso…

Será nos mundos de paz

Que veremos o remanso

Destinado à humanidade

Que ruma para o infinito.

Não temas a provação

Em teu coração aflito.

Prossegue sem rebeldia,

Tudo já foi planejado

De modo a que te liberes

Dos enganos do passado.

Jesus a todos ampara

No regaço paternal

De seu infinito amor

Lá na Pátria Sideral.

Título: Não Temas

Médium: Lucimar Mantovani Laidens 

Psicografia recebida no Centro Espírita de Caridade Dias da Cruz no dia 31/05/2019




Psicografia na Casa - Trovas de Saudade e Fé


Meu amor bateu as asas

Volitando para o Além…

Foi morar na eternidade,

Todos nós vamos também…

O papel recebe tudo

Oração, canção e prece,

Também guarda o nome lindo

De um amor que não se esquece.

Se procuras por Jesus

Afeiçoa-te ao perdão,

É  caminho verdadeiro

Que te afasta da ilusão.

Quem morreu não foi embora,

Certamente vai voltar,

E quem sabe, muitas vezes,

Junto aos seus, no mesmo lar…

Coração que não confia

Numa prece de alma pura

Não conhece de verdade

O sendal da desventura…

Se o amor parece escasso

E o caminho é muito triste,

Ora a Deus e pede forças

Para a prova que pediste.

A saudade de quem fica

É a saudade de quem vai…

Ambos choram tristemente

Junto aos pés do mesmo Pai…

Coração desventurado

Que procura a liberdade

Ora a Deus que tem a destra

Sobre as luzes da verdade.

Há quem sofra no caminho

Por motivos de valor,

Há, porém, quem joga fora

Ricas dádivas de amor.

Meu irmão voltou ao lar!

Sê bendito, meu Jesus,

Pelo amor que a tudo envolve

Em revérberos de luz.

Recordações são estrelas

Que fulgem no céu das almas,

São fagulhas silenciosas

Rebrilhando em noites calmas.

Saudade desta oficina

Em que outrora trabalhei,

O pouquinho que aprendi

Ofereço  a quem amei…

Título: Trovas de Saudade e Fé

Médium: Lucimar Mantovani Laidens pelo Espírito Abílio

Psicografia recebida no Centro Espírita de Caridade Dias da Cruz no dia 25/04/2019




Psicografia na Casa - Casinha de rosas


Depois de toda uma vida

De labor e sem salário,

A saúde consumida

No sacrifício diário

Cansada, a idosa pedia:

- Socorre-me! Dá-me um pão…

-Fora daqui, mão vazia,

Não roubes minha atenção!

Já não serves neste lar,

Terei empregada nova,

Não sabes mais trabalhar,

Em breve terás a cova

Sem nome dos indigentes!

Nada me peças! Nem leito…

- Senhor! …acaso não sentes

O inverno… O frio que tem feito?

- Fora daqui, faladeira!

Se quiser vá repousar

Sob os galhos da roseira

Entre espinhos, eis teu lar!

Referia-se, o valente,

À roseira cultivada

Junto ao portão da frente,

Com amor, pela empregada.

- Piedade, senhor,  trabalho

Desde a infância, noite e dia…

- Sai do jardim, espantalho!…

Estragas minha alegria!

Debaixo do roseiral,

Faminta, doente e triste…

Dormira, a serva, afinal,

Bem longe do pão que existe

No lar em que fora escrava

Do trabalho sem descanso…

No Além Jesus a esperava

Em doce e calmo remanso.

O Mestre deu-lhe a missão

De voltar ao lar antigo

E resgatar o patrão

Que ficara sem abrigo

Pois esbanjara o dinheiro,

Nas aventuras do mundo

E sem amor  verdadeiro

Tombara em fosso profundo

De amargura e solidão.

Estranhos levaram tudo…

Arruinado e sem razão

Vagava trêmulo e mudo

Entre as sombras do jardim.

Flores secas, sem perfume,

Tudo ali tivera fim…

Eis que a vida se resume

Em colher o que se planta!

Foi pro Além o milionário…

E a fortuna que era tanta

Sequer pagou o cenário

De um velório e de uma flor.

Ninguém chorou a partida

Daquele estranho senhor…

Só a presença compassiva

Daquela que fora escrava

Cobriu-lhe o corpo de flores

E brandamente falava:

Esquece agora tuas dores,

Jesus reclama a presença

De servos para o labor

Que abracem a nova crença,

A luz do Consolador.

Por isso vim te buscar,

E levar-te sem demora,

Mais tarde vais reencarnar

Servidor da última hora…

Na Doutrina do Salvador,

Nas fileiras com Jesus.

É o remédio para a dor…

Para as sombras, eis a luz!

Eu também tive uma vida

De egoísmo e de fartura.

Na pobreza renascida

Compreendi que quem procura

No dinheiro a vida mansa

E avilta a bênção do lar,

Quando morre não descansa…

Vai nascer e trabalhar…

Depois que paguei a conta

De existências dispendiosas…

No Além achei quase pronta

Minha casinha de rosas.

Título: Casinha de rosas

Médium: Lucimar Mantovani Laidens 

Psicografia recebida no Centro Espírita de Caridade Dias da Cruz no dia 28/07/2016

 

 

 




Psicografia na Casa - Alguns versos


VEJO O PERES ME DIZENDO:
-ESCREVE ALGUM VERSO AGORA
QUE ESTANQUE A LÁGRIMA TRISTE
DE ALGUM CORAÇÃO QUE CHORA…
…..
ENTÃO LHES VENHO ESCREVER
PELAS MÃOS DE OUTRA PESSOA
QUE A CADA NOVA MANHÃ
O MESTRE NOS ABENÇOA.
…..
SEGUIR EM FRENTE É O LEMA,
RECONSTRUINDO O PASSADO,
GUARDANDO A DOCE CERTEZA
QUE ESTAMOS NÓS, LADO A LADO,
…..
SEPARADOS PELO VÉU
QUE A ILUSÃO DA MORTE FEZ…
JAMAIS, PORÉM, ESQUECEMOS
DE AJUDAR E AMAR VOCÊS.
…..
SIGAMOS ESTE CAMINHO
SINGELO MAS VERDADEIRO,
DE NÃO BUSCAR NOS LUGARES
DO MUNDO SEMPRE O PRIMEIRO…
…..
TODOS TÊM A SUA FUNÇÃO
NO LABOR SIMPLES DO BEM,
JAMAIS LANCEMOS ESPINHOS
SOBRE O CAMINHO DE ALGUÉM.
…..
HUMILDADE É LUZ TÃO BELA…
E COMPANHEIRA TÃO BOA,
ELA NOS LEMBRA A CERTEZA
DE QUE DEUS NOS ABENÇOA!
…..
O PERES ME DISSE AGORA:
– BASTA DE VERSOS, MEU FILHO!
POR ISSO JÁ ME DESPEÇO
DEIXANDO MEU NOME: ABÍLIO.

Título: Alguns versos

Médium: Lucimar Mantovani Laidens 

Psicografia recebida no Centro Espírita de Caridade Dias da Cruz no dia 27/12/2018




Psicografia na Casa - Transição


Há uma nuvem de pranto sobre a Terra
E soluços de dor na noite fria
Pois ressurge o medonho caos da guerra,
Ceifador de esperança e alegria.
……………………………………..
Chora o mundo em partilhas desiguais
E transbordam vertentes de loucura…
Choram filhos…, soldados…, choram pais
Antevendo a extensão da noite escura…
……………………………………..
O verde-azul do mar se fez mortalha…
Fronteiras – novos campos de terror.
Estremece o Planeta e se estraçalha
Novamente na Terra a lei de amor…
………………………………………
O futuro, porém, será de luz
Pois em tudo repousa a mão de Deus!
Consoante as palavras de Jesus,
Nenhum se perderá, dos filhos seus.

Título: Transição

Médium: Lucimar Mantovani Laidens 

Psicografia recebida no Centro Espírita de Caridade Dias da Cruz no dia 28/01/2016




Psicografia na Casa - Soneto para Waleska


Tomando a lira cantarei também

Canções que evoquem a emoção mais pura,

Quero tangê-la em divinal candura

Aos teus ouvidos quando a noite vem…

 —-

E entre os arpejos que a saudade tem

Vou desvelar-te a doce formosura

Do amor perene que o tempo emoldura

Nas telas raras do infinito bem…

 —-

E a imagem clara de um porvir risonho,

Velada sempre em teu mais belo sonho,

Quero pintá-la em teu olhar, querida…

 —-

E junto ao vento de asas silenciosas

Em teu regaço vou depor as rosas

Feitas de luz para alegrar tua vida.

Título: Soneto para Waleska

Médium: Lucimar Mantovani Laidens 

Psicografia recebida por ocasião do aniversário de Waleska Linhares, trabalhadora da casa




Psicografia na Casa - Falenas


Falenas brancas sobre o claro espelho

Das águas calmas de florais matizes

Ruflando as asas vão pousar, felizes,

Sobre as roseiras de cetim vermelho.

……….

Brilham estrelas e murmura o vento…

Beijando as flores num carinho santo.

Cobrindo a terra em vaporoso manto,

Desce o sereno silencioso e lento…

………..

Mansos arrulhos na ribeira triste,

Lembram saudades de um solar distante,

Talvez um orbe, alguma estrela errante…

Um paraíso que nos céus existe…

………..

Tremeluzem ao longe os pirilampos,

Banhando as sombras de brilhante alvura,

Lanternas vivas pela noite escura…

Por toda a vasta imensidão dos campos…

……….

Leve pelúcia de neblina branda

Abre seus véus por sobre o arvoredo.

E atrás do dia que partiu tão cedo

A noite segue em perenal demanda.

………

Assim na Terra procuramos paz

E se encontramos desejamos mais…

Sonhando co’as moradas siderais

Feitas de luz que só o progresso traz…

………..

Falenas brancas por sobre o relvado,

Retalhos orvalhados de luar,

Fechando as asas leves vão pousar

Sobre as areias de cetim dourado…

………..

E a terra toda se recolhe em prece

Compondo um hino em gratidão sincera

A Deus por tudo e enquanto amanhece

Ensaia as luzes de uma nova era.

Título: Falenas

Médium: Lucimar Mantovani Laidens 

Psicografia recebida em 1997

 




Psicografia na Casa - Erraste?


Se erraste afrontando as leis da vida

E tombas qual rosa fenecida,

Não julgues que a falta te condena

Ao pranto e à dor de eterna pena…

…..

As Leis do Senhor são mais suaves

Que a Júris do mundo e seus entraves…

Procura Jesus e a Ele diz

O quanto te sentes infeliz…

…..

E adentra nas luzes do Evangelho,

Despindo a couraça de homem velho

Que o Mestre não quer que vivas triste

…..

Começa a vencer onde faliste,

Retoma a esperança que perdeste

E segue Jesus, que o rumo é este…

Título: Erraste?

Médium: Lucimar Mantovani Laidens 

Soneto recebido quando a médium preparava uma palestra acerca do aborto, que iria ser apresentada no Centro Espírita A Caminho da Luz na década de 90




Psicografia na Casa - E vai...


Acende essa luz guardada em tua alma

E expande o amor que arde e palpita

Qual lúcida estrela, santa e bendita

No róseo poente em noites de calma…

…..

Tu podes erguer os tristes que estão

Caídos na sombra em todas as sendas,

Basta que ouças o Mestre e aprendas

Que todos, no mundo, são teus irmãos….

…..

Acende a candeia e faze brilhar

O amor sobre aqueles que andam sozinhos,

Sem rumo e sem fé nos longos caminhos

Buscando o tesouro imenso de um lar…

…..

Acende essa luz que trazes contigo

E estende aos enfermos paz e esperança,

Oferta tuas mãos ao mundo e alcança

Aos que andam sem rumo a paz de um abrigo.

…..

Derrama as centelhas vivas do Bem,

Espalha as canções de amor de carinho,

Não deixes ninguém na estrada sozinho,

E vai que Jesus te espera também…

Título: E vai…

Médium: Lucimar Mantovani Laidens 

Psicografia recebida no Centro Espírita de Caridade Dias da Cruz no dia 27/04/2017